segunda-feira, 25 de junho de 2012

A mística Havana, em Cuba

Por Jaqueline Brenny


Declarada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1982, Havana é uma cidade envolvente e carregada de memórias. Os cenários da capital cubana são realmente de tirar o fôlego, a...
Declarada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1982, Havana é uma cidade envolvente e carregada de memórias. Os cenários da capital cubana são realmente de tirar o fôlego, a antiga arquitetura colonial que permanece nas ruas até os dias de hoje é composta por casarões, palacetes, igrejas e prédios que aos poucos começam a ser restaurados e a dar uma nova vida à cidade.

Caminhar por Havana é a melhor forma de descobrir a cidade e a alegria desse povo de sangue caribenho. A rumba, o bolero e a salsa estão presentes por todas as partes, acompanhados de as cores, o sorriso e o carinho acolhedor que os cubanos têm pelo povo brasileiro. Em sua visita, não deixe de passar pela A Plaza de Armas, a Plaza de la Catedral e pela Plaza Vieja.


Plaza Vieja, cenário de muitos momentos importantes da histórica cubana. Foto: Romtomtom/Flickr

Para passeios a pontos um pouco mais distantes, não deixe de aproveitar um passeio em um dos famosos coco taxis ou em um dos antigos carrões dos anos 50, que podem ser tomados por toda a cidade.


Coco taxi, transporte alternativo da cidade de Havana. Foto: exfordy/Flickr

O Museu da Revolução, que é o antigo palácio presidencial cubano, é uma parada obrigatória para quem quer conhecer um pouco mais da cultura política de Cuba. Boa parte do acervo histórico político da revolução é encontrado em cada sala do Museu que preserva armas, documentos, armas e vários objetos não só ligados à revolução popular que levou o país ao regime socialista, como de toda a trajetória da ilha, desde seu processo de colonização.

Museu da Revolução de Havana. Foto: mickou/Flickr
A Fortaleza de San Carlos de La Cabaña é o maior forte do novo mundo e o segundo do planeta em área construída.  Todas as noites, às 21h, um pelotão vestido com uniformes do século 19 solta um tiro de canhão, remetendo à época em que os espanhóis avisavam, com o tiro, que os portões estavam fechando.


Fortaleza de San Carlos de La Cabaña, a maior fortaleza das Américas. Foto: Wagner T. Cassimiro "Aranha"/Flickr 

Além de Havana, há outros destinos que podem ser combinados à capital cubana, como Varadero, Cayo Largo e Cayo Coco.


Varadero, um recanto com belas prais, águas quentes e clima tropical. Foto: Leandro's World Tour/Flickr

Nenhum comentário:

Postar um comentário