sábado, 23 de junho de 2012

Cuba critica posição da ONU sobre liberdade de expressão no país

Durante discurso ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, o representante do governo de Cuba Juan Antonio Quintanilla criticou os relatórios da ONU sobre a liberdade de expressão no país, informou o Blog Jornalismo nas Américas.

Quintanilla afirmou que Frank La Rue, o relator da ONU para a liberdade de expressão, limita suas críticas aos países em desenvolvimento, ignorando, por exemplo, a repressão a protestos nos EUA e a perseguição ao fundador do Wikileaks Julian Assange.

O representante cubano também disse que não concorda com o fato de que blogueiros e cidadãos que divulgam notícias são considerados jornalistas. Para ele, esses "jornalistas cidadãos" transmitem notícias falsas e são financiados por outros países para manipularem as informações sobre a realidade de Cuba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário