quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Vamos pra Cuba: Brigada Sul-americana com inscrições abertas até 20 de dezembro

Brigada homenageará os 60 anos do ICAP | Foto: Praça da Revolução, ao fundo Che e Camilo - Pé na Estrada
Por Sturt Silva

Que ir a Cuba e conhecer a realidade do único país socialista das Américas com seus próprios olhos?

A oportunidade pode ter chegado.

Trata-se da Brigada Sul-americana de Trabalho Voluntário e Solidariedade a Cuba, onde pessoas do Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai visitam Cuba com objetivo de conhecer melhor a realidade do povo cubano e contribuir, através de jornadas de trabalho voluntário, com o desenvolvimento agrícola e produtivo do país.

Em 2020 a brigada, que será realizada entre os dias 26 de janeiro e 9 de fevereiro, chegará a sua XXVII edição e homenageará os 60 anos do ICAP (Instituto Cubano de Amizades com os Povos).

Serão 14 noites, sendo 9 no Acampamento Internacional “Julio Antonio Mella” (CIJAM), localizado no Município de Caimito, província de Artemisa, a 45 km da capital Havana, e 6 em hotéis das províncias de Camaguey e La Tunas. No total serão 5 províncias no roteiro da brigada: Havana, Villa Clara, Artemisa e já citadas: Camaguey e La Tunas.

A estadia terá o custo de 565 CUC (moeda cubana forte) e inclui alojamento em habitações compartilhadas com 6 pessoas no caso do CIJAM e duplas e triplas nas províncias, alimentação e transporte para todas as atividades da programação.

Veja a cotação na época de reais para euros ou dólares. E de euros para CUC, que tem câmbio variante em Cuba. Em relação ao dólar o câmbio é fixo: 100 dólares vale 87 CUC em Cuba. O valor de 565 CUC não cobre a passagem de avião (ida e volta) e outros serviços (como taxas de aeroportos, excesso de bagagens, ligações telefônicas pessoais, etc). É mais ou menos uns 500 euros ou 600 dólares. Sempre é recomendável levar euros para Cuba para trocar por CUCs.
As jornadas de trabalho voluntário serão em áreas próximas ao CIJAM – acampamento criado em 1972 que conta com condições adequadas para satisfazer a vida coletiva e as necessidades das pessoas que visitam Cuba.

 Além das atividades produtivas, os brigadistas visitarão lugares de interesse histórico, cultural, social e econômico de Cuba.

A brigada é organizada pelo Instituto Cubano de Amizade com os Povos - ICAP - e por sua agência de viagens (Amistur Cuba S.A). 

As inscrições estarão abertas até o dia 20 de dezembro de 2019. 

No Brasil, a coordenação é de João Frederico Hofstatter Trott da Associação Cultural José Martí de Santa Catarina (ACJM-SC). 
Email: fredytrott@uol.com.br 

Se você estiver interessado em participar pode procurar os movimentos de solidariedade a Cuba na sua cidade ou estado.

Alguns deles:

Paraná: Cebrapaz-PR e Associação de Cubanos;
Goiás: Associação Cultural José Martí;
Rio Grande do Norte: Casa da Amizade Brasil- Cuba;

O brigadista deve se comprometer a cumprir o programa previsto e observar adequadamente as normas de conduta, disciplina e convivência social.
Em Brasília, organizadores criaram uma página para divulgar a brigada
OBS: Caso não conseguir dessa vez, em abril/maio tem outra: é a Brigada Internacional Primeiro de Maio.

Programação da XXVI Brigada Sul-americana de Trabalho Voluntário e Solidariedade a Cuba

Data: 26 de janeiro a 9 de fevereiro de 2020.

Domingo, 26 de janeiro:

Chegada das delegações;
Opcionais de AMISTUR.

Segunda, 27 de janeiro:

06:45 – Despertar;
07:00 – Café da manhã;
09:00 – Atividade especial de boas-vindas;
10:30 – Reunião de conhecimento e intercâmbio entre as delegações;
12:00 – Almoço;
14:30 – Conferência: Vigência do pensamento martiniano na Revolução Cubana: solidariedade com causas justas na América Latina;
18:00 –  Jantar;
20:00 –  Saída para a Marcha das tochas na Universidade de Havana.

Terça, 28 de janeiro:

06:00 – Despertar;
06:15 – Café da manhã;
07:45 – Noticiário;
08:00 – Saída paras as atividades produtivas;
12:00 – Almoço;
14:00 – Conferência: Efeitos do bloqueio dos EUA;
18:00 – Jantar;
20:00 – Noite cubana.

Quarta, 29 de janeiro:

06:00 – Despertar;
06:15 – Café da manhã;
07:45 – Noticiário;
08:00 – Saída para atividades produtivas;
12:00  – Almoço;
14:00 – Saída para o ICAP;
15:00 – Recebimento no ICAP;
19:00 – Jantar na Casa da Amizade;
23:00  –  Regresso ao CIJAM.

Quinta, 30 de janeiro:

06:00 – Despertar;
06:15 – Café da manhã;
07:45 – Noticiário;
08:00 – Saída para atividades produtivas;
12:00  – Almoço;
14:30 – Conferência: Batalha midiática do Movimento de Solidariedade a Cuba no mundo;
18:00  – Jantar;
20:00  – Reunião por países;
21:30 – Cine debate: Filme sobre o apoio de Cuba às causas justas;

Sexta, 31 de janeiro:

06:00 – Despertar;
06:15 – Café da manhã;
07:45 – Noticiário;
08:00 – Saída para atividades produtivas;
14:30 – Conferência: Cuba e os direitos humanos;
18:30 – Jantar;
19:30 –  Reunião do Comitê Organizador;
20:30  – Apresentação do projeto Cultural Comunitário.

Sábado, 01 de fevereiro:

06:00 – Café da manhã;
07:00 – Saída para Santa Clara;
10:00 – Evento no Complexo Escultórico"Ernesto Che Guevara" e visita ao monumento em ação contra o "Trem Blindado";
12:30  –  Almoço;
14:30  –  Saída para Camaguey;
19:00 – Alojamento no hotel e rebebimento de autoridades locais;
20:00  –  Jantar.

Domingo, 02 de fevereiro:

07:30 – Café da manhã;
07:00 – Saída na cidade: passeio turístico;
18:00 – Volta ao Hotel;
20:00 – Jantar;

Segunda, 03 de fevereiro:

07:00 – Café da manhã;
08:30 – Saída para La Tunas;
1100  –  Recebimento das autoridades locais;
12:00 – Almoço e alojamento no hotel local ;
15:00 – Encontro com a juventude comunista, sindicatos dos trabalhadores, federação das mulheres;
19:00 – Jantar no hotel;
20:30 – Encontro com os Comitês em Defesa da Revolução;
23:00  – Regresso ao hotel.

Terça, 04 de fevereiro:

07:00 – Café da manhã;
08:00 – Saída para jornada produtiva;
12:00 – Almoço no hotel;
14:00 – Visita a lugares de interesse na cidade;
19:00 – Jantar.

Quarta, 05 de janeiro:

07:00 – Café da manhã;
10:00 – Visita ao Museu da cidade;
12:00 – Almoço no hotel;
14:00 – Visita a um projeto comunitário;
17:00 – Regresso ao hotel;
19:00 – Jantar no hotel.

Quinta, 06 de fevereiro:

06:00 – Café da manhã e entrega das habilitações;
07:00 – Saída para Havana;
12:00 – Almoço;
19:00 – Volta ao CIJAM, com jantar e noite livre.

Sexta, 07 de fevereiro:

07:00 – Café da manhã;
10:00 – Encontro de Solidariedade - 60 anos do ICAP;
12:00 – Almoço no CIJAM e tarde livre para organizar a noite sul-americana;
15:00 –  Reunião com Comitê Coordenador;
18:00 – Jantar;
20:00 – Noite sul-americana.

Sábado, 08 de fevereiro:

07:00 – Café da manhã;
08:00 – Saída para Havana;
09:00 – Tempo livre na cidade;
18:00 –  Volta ao CIJAM desde o Museu da Revolução;
19:00 –  Jantar;

Domingo, 06 de fevereiro:

Retorno das delegações aos países.

8 comentários:

  1. O ano na programação detalhada está 2019. Foi erro de digitação?

    ResponderExcluir
  2. Hei! Vocês poderiam avisar-me quando da abertura das inscrições? Sabe, desde 2002 eu desejo ser parte dessa brigada. Tomara dê certo desta vez.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já estão abertas. Vc é de onde?

      Excluir
    2. Oh céus! Só agora vi sua resposta. Estou em Brasília. Poderei inscrever-me aqui mesmo?
      Obrigada por sua atenção.

      Excluir
    3. Isabel, essa página está cuidando do pessoal de Brasília https://www.facebook.com/brigadacubadf/

      Excluir
  3. Olá. Se o cara quiser ficar mais dias após a jornada pode tranquilo, né?

    ResponderExcluir