segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Maior mostra de arte cubana já vista no Brasil continua até dia 2 de dezembro em Brasília


Por Sturt Silva do Blog Solidários

Na última quarta-feira, 21 de novembro, se iniciou "a mais completa mostra de arte cubana já vista no Brasil". “Cuba, mucho gusto” (Cuba, muito prazer, em português) está sendo exibida no Museu Nacional da República em Brasília, capital federal, até o dia 2 de dezembro, onde os brasileiros estão tendo a oportunidade de conhecer a riqueza da cultura cubana.

Durante a abertura do evento o desaque ficou para exposições dos carros antigos de cololecionadores brasilienses, articulados pelo Museu Nacional do Automóvel. Procurou-se aproximar das referências da ilha, com o difícil objetivo de compatibilizar a visão do colecionador e seus veículos originais com a frota de Cuba, operacional porém acima das exigências de originalidade.

Carros antigos brasileiros
Também quem roubou a cena nos primeiros dias foi Laritza Bacallao e banda. Laritza atualmente é uma das cantoras mais famosas de Cuba. Na "Cuba, mucho gusto" realizou dois shows. O segundo, no dia 22, ousou, e desceu do palco para colocar o público para bailar.
Show do dia 21, só para convidados
Segundo show, aberto ao público
A abertura do evento também contou com personalidades, políticos, diplomatas, artistas e convidados ilustres dos dois países.  

Embaixador cubano no Brasil durante a cerimônia de abertura
Vejas mais fotos da cerimônia de abertura do "Cuba mucho gusto" aqui.

A exposição é organizada pela Secretaria de Cultura do Distrito Federal, o Ministério da Cultura de Cuba, a embaixada da ilha no Brasil e pela produtora Cine-video. Com curadoria de Wagner Barja, diretor do Museu Nacional da República, e coordenação executiva e artística da artista plástica mineira Ivana Panizzi, a mostra está ocorrendo no Museu Nacional da República – com entrada gratuita – e abrange a diversidade cultural cubana por meio de diversas linguagens artísticas. 

A exposição La Conversación do artista plástico Kcho, considerado um dos maiores artistas cubanos contemporâneos pela crítica internacional, é uma atração principal. Seus remos, barcos e outras referências marítimas – sempre presentes em seu trabalho – estão expostos em museus e galerias de todo o mundo, do MoMA ao SMAK, museu de arte contemporânea na Bélgica. 

Kcho e sua arte
Na área da fotografia, o público confere a exposição Cuba Imagen Y Posibilidade composta por 130 fotos de mais de 23 autores, vindas da Fototeca de Cuba. Entre eles, Alberto Korda, autor da famosa fotografia do revolucionário Che Guevara que acabou se tornando uma das imagens mais reproduzidas no mundo.

Mostra recebe visita de alunos de colégio do interior de Goiás
O teatro também está tendo espaço na mostra “Cuba, Mucho Gusto”. O ator Osvaldo Doimeadiós Aguilera, com vasta experiência no teatro, televisão, cinema e rádio e um dos mais reconhecidos atores de Cuba, encenará um monólogo a partir da póxima terça-feira (27). Osvaldo já participou de mais de 25 filmes, entre curtas e longas de ficção, e nos programas de TV de maior audiência no país. O público cubano o identifica por seus personagens humorísticos e pelos monólogos que encenou na última década com a companhia de Teatro “El Público”, dirigido por Carlos Díaz. Além disso, foi premiado como ator e diretor nos mais importantes certames das Artes Cênicas em Cuba. Em 1996, o Ministério da Cultura lhe outorgou a Ordem pela Cultura Nacional e, em 2012, foi agraciado com o Prêmio Nacional de Humor. 

Em relação ao cinema , durante esses dias serão exibidos mais de 30 títulos entre filmes clássicos, atuais e infantis premiados em diversos festivais de cinema espalhados pelo mundo. Para os amantes da sétima arte será uma grande oportunidade de mergulhar no cinema cubano. 

Como parte da extensa programação, o evento oferecerá oficinas de fotografia e artes gráficas, e palestras sobre cultura cubana, cinema, artes plásticas, literatura, história e teatro, com importantes profissionais e intelectuais de cada área, que fazem parte da delegação cubana de 16 artistas. 

A programação do evento, que deu pausa nesta segunda (26), volta na próxima terça (27) por volta das 10 horas da manhã com mais uma mostra de cimena, seção infantil.  

Informações sobre o evento podem ser conferidas no site oficial, e em tempo real na página no facebook e no perfil no twitter.

Nenhum comentário:

Postar um comentário