quarta-feira, 19 de junho de 2013

China e Cuba: Presidente Xi Jinping se reúne con Diaz-Canel

Fonte: IRÃ NEWS

PEQUIM — O presidente chinês, Xi Jinping, e o primeiro-ministro Li Keqiang receberam, em 18 de junho, o primeiro vice-presidente de Cuba, Miguel Diaz-Canel, o qual permite continuar o fluido intercâmbio de visitas de alto nível entre ambos os países

Xi Jinping e Diaz-Canel coincidiram no desejo mútuo de incrementar a colaboração em setores como biotecnologia, energia renovável, transporte, turismo, infraestrutura, informação e comunicações.

  O chefe de Estado e secretário-geral do Partido Comunista da China lembrou sua viagem a Cuba, no ano 2011 e a realizada por seu homólogo Raúl Castro à nação asiática, em 2012. Também agradeceu as mensagens de felicitação recebidas ao tomar posse da presidência e a consequente posição de respeito, por parte de Cuba, ao princípio de uma só China.

Particular menção fez o líder chinês à atualização do modelo econômico cubano, ao intercâmbio de experiências mútuas sobre a construção do socialismo em ambos os países e à entranhável amizade entre China e Cuba. Na reunião, efetuada no Grande Palácio do Povo de Pequim, Xi Jinping ressaltou também o papel de Cuba como presidente Pro Tempore da Comunidade dos Estados Latino-americanos e Caribenhos (Celac).

De sua parte, Diaz-Canel destacou a prioridade que Cuba concede aos vínculos bilaterais e agradeceu o respaldo oferecido pela China a nossa luta contra o bloqueio estadunidense.

Depois, o primeiro vice-presidente cubano viajou a Zhongnanhai, a sede do governo chinês, onde foi recebido pelo primeiro-ministro Li Keqiang. Ambos os líderes se referiram ali ao avanço dos vínculos entre ambos os países, ao conhecimento mútuo e ao intercâmbio de experiências.

Nesta segunda jornada de sua visita oficial à República Popular da China, a primeira escala de uma turnê asiática que inclui Vietnã e Laos, Diaz-Canel assistiu à inauguração da 7ª Reunião do grupo de trabalho conjunto para a colaboração no setor da biotecnologia entre Cuba e a China.

Durante a abertura dessa reunião do grupo de trabalho, explicou que Cuba demonstrou seu progresso na biotecnologia, um avanço conseguido graças à vontade política do governo e fez um reconto dos passos realizados para o avanço neste importante setor.

O dirigente cubano e seus acompanhantes — Leonardo Andollo, segundo chefe da Comissão Permanente para a Implementação e Desenvolvimento, e o vice-chanceler Rogelio Sierra Diaz — visitaram a empresa Biotech, o primeiro empreendimento conjunto no campo da biotecnologia e que completa dez anos de existência.

A produção na China destes medicamentos biotecnológicos, resultado da investigação cubana, materializa a colaboração conjunta e dá a possibilidade de ampliar essa cooperação, o qual se demonstra com a inauguração de uma usina para a produção da vacina Hib.

Esta é uma vacina contra a Hemophilus Influenzae, uma bactéria que nos primeiros anos de vida ocasiona doenças infecciosas graves no cérebro e os pulmões, e será produzida pela Empresa Mista Changchun Heber Biological Technology Co., na província de Jilin.

Nenhum comentário:

Postar um comentário